04/08/2006

cap. 2_ bilinguidades de criança

hoje choveu e fez frio. foi o dia de respirar fundo, olhar para os lados, ver o que se tem pra fazer antes do frio chegar pq ele é implacável, chega de mansinho, devagarinho e a gente tem que estar com tudo em cima, saude, grana, tudo o que deve ser arrumado e consertado em casa, e principalmente suficiente quantidade de sol na alma pra aguentar até a próxima primavera. lembro a história do grilo que cantou todo o verao e no inverno ficou no perrengue.......
observei thadeo contando um filme que viu para o pai, explicou todas as cenas em alemao, é uam graca quando conversa, os olhos brilham e fala sem parar, anda de um lado para o outro, gesticula, um autentico representante da familia prathos! e no meio da encenacao ele explica que o personagem tirou uma meleca, botou a meleca lá e dai a meleca caiu e dai......foi muito normal o que ele falou, faz parte da história o que ele contou, mas a palavra meleca foi a unica palavra em portugues que ele colocou no meio da explicacao! fiquei com uma pulga atrás da orelha! será que com só 4 anos já tem tanto jogo de cintura pra filtrrar as coisas e organizar as línguas na cabeca? juntando isto ao fato de que hoje pela manha, quando estavamos no metro, cheio de gente, ele grita em plenos pulmoes: "mama, ich habe ein pum gemacht!" morri de rir! fui a única que riu (que alívio!) mas morri de curiosidade pra saber que, se um dia estivermos num metro no brasil ele será também esperto pra dizer um: "mama, eu fiz um schass!"